⏳ Tempo de leitura: aproximadamente 5 a 10 minutos Você sabia que o consumo em marcha lenta pode prejudicar o motor e causar problemas que aumentam os gastos da sua frota? E que um dos grandes motivos disso ocorrer é por conta do ar-condicionado? Continue a leitura e entenda melhor sobre esse assunto que tem […]

Inteligência Gerando Resultados

Marcha lenta prejudica o motor e aumenta custos

Marcha lenta prejudica o motor e aumenta custos

⏳ Tempo de leitura: aproximadamente 5 a 10 minutos

Você sabia que o consumo em marcha lenta pode prejudicar o motor e causar problemas que aumentam os gastos da sua frota? E que um dos grandes motivos disso ocorrer é por conta do ar-condicionado? Continue a leitura e entenda melhor sobre esse assunto que tem causado estragos até mesmo ao meio ambiente. 

Infelizmente, deixar o veículo em marcha lenta é um hábito comum praticado por muitos motoristas. Ele consiste na aceleração mínima necessária para que o carro permaneça ligado mesmo que não esteja em movimento. 

Durante a marcha lenta, nenhuma marcha está engatada. O carro está em modo de aceleração, mas não está em movimento. Esse costume pode ser muito prejudicial para o motor do veículo, o bolso do gestor e, consequentemente, para o ar atmosférico.

Aqui vai um exemplo do quanto a marcha lenta pode causar danos: vamos supor que no Brasil os veículos de frota urbana permaneçam ligados nas garagens por cerca de duas horas por dia. Considerando que o consumo médio em marcha lenta dos veículos novos e regulados seja de cerca de 1 l/h, com isso, estima-se um desperdício de, no mínimo, 820 l/ano de óleo diesel. 

Além do gasto com combustível, é preciso se atentar para a quantidade de gases poluentes, como dióxido de carbono, que é liberada na atmosfera, contribuindo assim para o efeito estufa.

O uso da marcha lenta pode aumentar com o ar-condicionado ligado?

A resposta é sim! O ar-condicionado tem sido um dos grandes motivos do condutor deixar o carro parado e com o motor ligado, uma vez que usam do ar entre uma entrega e outra, para descansar na hora do almoço ou apenas para desembaçar os vidros. O ar ligado pode aumentar até 30% o consumo em marcha lenta. Mas, mesmo sem ele ligado, o desgaste do motor em marcha lenta é maior do que com o veículo andando.

O que muito motorista não sabe é que desligar e ligar o veículo logo em seguida consome menos combustível do que deixá-lo em marcha lenta por mais de 10 segundos. Por isso que desligar o motor do veículo enquanto ele estiver parado é a melhor atitude a se tomar para ter mais eficiência e economia em suas jornadas.

Outra coisa é que, ao utilizar o carro em marcha lenta de forma prolongada, ele não aquece devidamente o motor, e os resíduos de combustível não queimado causam o dobro de desgaste nos componentes internos da peça em comparação com outros regimes de funcionamento. Ocorre também acúmulo de água na descarga, reduzindo a vida útil do sistema de escapamento.

Por tanto, se o motorista tende a ficar com o ar-condicionado ligado por um tempo considerável ou se ele tem o hábito de deixar o carro “esquentando” antes de começar a dirigir, ou costuma esperar embarques e desembarques sem desligar o motor, isso pode gerar um desperdício de combustível muito grande, evite!

É para você poder economizar todo o consumo em marcha lenta e ainda reduzir os custos com a manutenção, basta apostar na tecnologia AUTOTRAC.

Com a AUTOTRAC, você tem acesso a relatórios e, consequentemente, a um panorama de como está o desempenho do veículo, para que possa reeducar os motoristas a realizarem uma condução mais otimizada. 

Além disso, você pode acompanhar o desgaste dos pneus e saber se meu motorista está consumindo mais combustível que o necessário com troca de marcha em horas indevidas, acelerações e freadas bruscas. O software Supervisor fornece dados detalhados do andamento de cada transporte.

Se você ainda não é nosso cliente, e quer tem uma gestão completa de uma forma facilitada, entre em contato conosco agora mesmo e contrate o serviço do AUTOTRAC Prime.